gmail.com, yahoo.com, hotmail.com, outlook.com, icloud.com, aol.com, mail.com, protonmail.com, zoho.com, yandex.com, live.com, qq.com, 163.com, 126.com, sina.com, rediffmail.com, rocketmail.com, t-online.de, web.de, orange.fr, laposte.net, yahoo.co.uk, btinternet.com, libero.it, tin.it, naver.com, hanmail.net, yahoo.co.jp, docomo.ne.jp, ezweb.ne.jp, mail.ru, bk.ru, list.ru, inbox.ru, yandex.ru, yandex.ua, yandex.by, yandex.kz, yandex.com.tr, gmx.net, gmx.com, webmail.co.za, yahoo.com.br, hotmail.co.uk, hotmail.fr, hotmail.de, hotmail.com.au, hotmail.es, hotmail.it, hotmail.com.mx
Compre um livro da nossa coleção e receba gratuitamente um Ticket-Voucher para nos visitar!
ENTRADA NA LIVRARIA LELLO

Edições de Colecionador

O Paço de Sintra

Conde de Sabugosa

ISBN: 0000000003003


Idioma:

PT

780,00€

Exemplar muito valorizado, com a assinatura da Rainha D. Amélia, última Rainha Consorte de Portugal e dos Algarves, exilada em Inglaterra após a queda da monarquia e Implantação da República Portuguesa em 1910. Esta obra de grande beleza, com encadernação editorial, consagrada à exposição da história do Paço Real de Sintra, foi publicada com o préstimo da monarca, que é também autora dos desenhos do Palácio que graciosamente ornamentam as páginas desta edição. Como indicado na apresentação: “Este livro tem uma historia. Essa historia é a sua razão de ser, e explica a sua indole,. Um dia, ha anos já, a actual Rainha, então Duquesa de Bragança, attrahida pelo indizível encanto deste Paço exerce em quem o olha, desenhou no seu álbum de impressões umas das janelas manoelinas do corpo do palácio que foi o seu primeiro aposento. A esse desenho seguiram-se outros.” Aos desenhos de D. Amélia junta-se um mapa, uma planta desdobráveis e uma reprodução a cores do icónico to da Sala dos Brasões, um dos principais repositórios iconográficos das armas das famílias nobres portuguesas. Este estudo do Conde de Sabugosa é um verdadeiro guia pela opulência e requinte das salas deste edifício histórico, (re)construído como o conhecemos deste o século XVIII, e hoje classificado como Monumento Nacional.