Edições de Colecionador

Lectura Super Secunda Pars Digesti Veteris

Bartolo de Saxoferrato

ISBN: 0000000002966



9 500,00€

LECTURA SUPER SECUNDA PARS DIGESTI VETERIS é o mais antigo tesouro da Livraria Lello e um testemunho “vivo” da história da imprensa. Este é um raro incunábulo – livro impresso com caracteres móveis, uma prática inovadora, inventada e popularizada por Gutenberg, e que esteve na origem da imprensa  – que resistiu ao passar dos séculos. A obra foi escrita por Bartolo de Sassoferrato, importantíssimo jurista e comentador de direito romano do século XIV, cujos princípios enunciados conheceram grande influência em Itália, Espanha, Portugal e Alemanha. Foi Professor de Direito em Perugia e líder de um grupo de juristas italianos que escreveram em meados do século XIV um Código Civil Romano. O seu grupo usou o Código de Justiniano e o Código Civil Romano como fundamentos a partir dos quais derivaram vários conceitos e princípios gerais usados na Europa do seu tempo. A importância da sua obra em contexto nacional é evidente, encontrando-se exemplares das suas obras nas coleções reais de D. João I e D. Duarte. Mais importante é a ordem dada por D. João, em 1426, para que algumas obras de Bartolo fossem traduzidas para português. Este LECTURA SUPER SECUNDA PARS DIGESTI VETERIS é um dos primeiros textos onde se reflete a subjetividade das leis e é a quinta parte dos comentários de Bartolo de Sassoferrato sobre o Código Civil Romano. Esta autêntica peça de museu é ainda reveladora da tradição medieval da decoração manual, uma vez que está belissimamente iluminada no primeiro fólio com as duas colunas de impressão envolvidas num bonito motivo floral e uma lindíssima capital dourada e colorida, estando o restante texto decorado com simples, mas belas capitais a vermelho e azul.