De Portugal a Itália: Há "Palavras contra as chamas" que arrasaram os dois países no verão de 2017

12 de junho de 2018

A Livraria Lello acolhe iniciativa solidária que une Portugal e Itália no próximo dia 16 de junho, sábado, às 15:30. Rui Spranger é a voz escolhida pela Livraria Lello para se juntar às dezenas de iniciativas espalhadas pelos dois países europeus afetados gravemente pelos incêndios de 2017.

Porto, Turim, Vale de Susa e Pedrogão Grande irão fazer-se ouvir pelas vozes de atores nacionais e locais para entoarem a obra de Jean Giono “O Homem que Plantava Árvores”.

19 livrarias, uma biblioteca e dois municípios juntam-se numa iniciativa entre Itália e Portugal para não fazer esquecer as vítimas e a destruição florestal provocada pelos incêndios de Pedrogão Grande e de Vale de Susa, em Turim, no ano passado, entre os meses de junho e novembro. A leitura deste texto acontece simultaneamente em todos os espaços aderentes e na língua de cada país às 15:30 (hora portuguesa).

A tragédia de Pedrógão Grande, que no passado dia 17 de junho de 2017 resultou em 66 mortos, 254 feridos, 500 habitações e 48 empresas destruídas, para além da destruição de 53000 hectares de floresta, incluindo a respetiva fauna, deixou em choque Portugal e o mundo inteiro. Esta ação não quer ver esquecida uma das mais assoladoras tragédias que aconteceu em território luso.

No dia seguinte, a 17 de junho, há leitura da mesma obra por atores e voluntários na freguesia de Pedrogão Grande, às 15:30.
Esta iniciativa é produzida pela Assemblea Teatro, em Turim, e pela Apuro – Associação Cultural e Filantropia e os espaços aderentes podem ser consultados aqui.
A carregar
A carregar
Este site usa cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao prosseguir estará a consentir a sua utilização.            
Ver Mais